Notícias

17/12/2014
Revisão de férias!
Antes de pegar a estrada
ppp.png

As festas de fim de ano estão chegando e, junto, aquela possível viagem com seu automóvel. A missão agora é sair e buscar um profissional para revisar seu veículo, mas o que se deve realmente revisar?
A dica deste mês é colaborar com você, leitor, ajudando-o a entender quais pontos a revisar são importantes.
No motor, verifique o momento da troca do lubrificante, bem como o respectivo filtro, o elemento filtrante de ar e o de combustível. Isso é fundamental para evitar a perda de potência e tem relação direta com o consumo.
Nesta fase do ano, quando o calor é mais intenso, torna-se indispensável uma varredura no sistema de arrefecimento ou refrigeração do motor. Um teste de pressão pode ser efetuado para garantir que o sistema, bem como a tampa do reservatório, estejam em ordem e sem surpresas. Não se esqueça de completar ou substituir o aditivo, que deve ser diluído conforme a norma do fabricante do veículo.
Os níveis de lubrificante do câmbio e diferencial devem ser conferidos, e, nos veículos médios, como picapes ou suv's, atente para a necessidade de substituição dos mesmos. Observe as coifas de borracha das juntas homocinéticas, pois, se estiverem danificadas, devem ser substituídas imediatamente. Esse procedimento exige uma lavagem química e a adição de graxa grafitada no momento da montagem da nova coifa.
Os freios não se resumem apenas a pastilhas ou lonas, mas ao estado dos discos, que podem apresentar desgastes avançados ou a superfície irregular, reduzindo a frenagem e podendo até causar acidentes se estiverem muito finos, ou seja, fora do limite de uso. A qualidade do fluído de freio deve ser conferida e, caso necessário, deve ser substituído, pois transfere toda a força aplicada no momento da frenagem às rodas. É importante ainda que o profissional confira possíveis vazamentos em todas as tubulações rígidas e flexíveis do sistema.
A suspensão não se compõe apenas do amortecedor! Todos os componentes devem ser checados, como buchas, bieletas, borrachas, coxins e rolamentos, e, depois, deve ser feito o alinhamento de direção, que é vital para garantir a qualidade da segurança e dirigibilidade. De preferência, escolha uma empresa que emita um laudo computadorizado, pois é a segurança de que tudo está realmente dentro dos padrões do fabricante do veículo. Essas informações estão no manual de todas as marcas. 
Os rolamentos das rodas devem ser verificados, substituídos ou engraxados. Em seguida, o balanceamento das rodas garante um rodar tranquilo e vida útil para toda a suspensão e pneus.

Carlito Fertonani

Busca