Notícias

12/09/2020
?Largar o osso não é pra qualquer cachorro, tem de ser muito adestrado?


Li esta frase recentemente e achei muito interessante.
Será que estamos prontos para largar o osso?

Posso estar errada, mas acredito que a grande maioria, não.

Teimamos em seguir padrões negativos, que sabemos que são errados e prejudiciais, por medo de mudar, pois de alguma forma nos sentimos dependentes do outro.

Isso acontece porque quase nunca confiamos em nós mesmos; esquecemos das nossas habilidades, da nossa intuição, da nossa força; esquecemos das nossas conquistas e de tudo o que já enfrentamos nesta vida.

A verdade é que você não confia em você, você confia no outro.

O outro sempre sabe mais que você, é mais inteligente, mais amoroso, mais bem-sucedido...
Geralmente, é mais fácil olhar para o lado, buscando comparação, do que olhar para dentro, para o seu SER; somente aí é possível entender a raiz de tudo que está desalinhado aqui fora; somente aí é possível entender esse imenso vazio; somente aí é possível se reconhecer.

Se não mudar dentro, não mudará fora. Vai ser só encenação e enganação.
É preciso olhar para dentro e reconhecer, por si mesmo, o que precisa mudar. Depois disso, colocar em prática, dia após dia, um novo pensamento e um novo comportamento.

Tem de ter consistência; não é um dia sim, um dia não; nem 5 dias sim e 15 dias não.
Se a gente quer a mudança a gente tem de SER a mudança.

Eu sei, falar é fácil; fazer, não muito. Mas somos adultos, precisamos entender, definitivamente, que vontade sem ação é apenas ilusão.
Recomecemos!
Bom mês para nós!


Por Talita Oriani

Busca