Notícias

13/05/2020
Em algum lugar do mundo

Em algum lugar do mundo

 Em algum lugar do mundo, a vida é selvagem e bonita. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, o amor é imenso e abundante. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, o tempo é amigo e nele cabe tudo o que é preciso. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, o céu é infinito e misterioso, e faz todos tocarem esse poder. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, o riso é franco e os olhos brilham. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, os corações cantam e todos dançam. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, a comida é farta e compartilhada. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, cada flor, cada animal, cada grão de alimento, cada pedaço de terra, cada pessoa é respeitada pelo que é. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, a liberdade é a lei. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, os espíritos sorriem. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, o silêncio banha as mentes. E isso basta. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, há a certeza de que tudo é sagrado e está em seu exato lugar. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, a dor passa, a fome é saciada, o sono se renova, a morte é mais um começo, as pessoas são destemidas e ousadas, e o mundo de cada um é o universo inteiro. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, a alegria é o deus da vida, que nasce em toda parte, em todas as criaturas, em cada homem e em cada mulher, no sol, no vento e na noite escura. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, este instante é tudo o que importa. Tomara que seja VOCÊ.

Em algum lugar do mundo, a verdade é a única ordem. E a verdade é somente o amor. Que cobre tudo, que conecta todos, que invade a vida e cura o mundo. Tomara que seja aqui, que sejamos nós e que seja agora.

O livro que me inspirou a escrever esse texto foi: “Uma Fazenda Africana”, de Karen Blixen (publicado pela primeira vez em 1937). Ele deu origem ao filme Entre Dois Amores (1985, dirigido por Sydney Pollack e estrelado por Meryl Streep e Robert Redford). Também o livro da mesma autora: Sombras na Relva. Mas esse texto foi inspirado, principalmente, pela experiência que tive na África do Sul, em agosto de 2019.

Beijo,

Kelly Shimohiro

Busca