Notícias

07/05/2018
Curso sobre segurança nas portarias e segurança pública em discussão
Curso sobre segurança nas portarias dos condomínios da Gleba Palhano

informe congp.JPG

Porta de entrada dos condomínios, as portarias têm um papel central na vida de quem mora no local. Além do entra e sai de mercadorias e pessoas, é ali que os moradores podem contar com o auxílio de porteiros, auxiliares de limpeza, zeladores e, em alguns casos, dos administradores do edifício. Pensando na capacitação desses profissionais, o Conselho de Condomínios Residenciais e Comerciais da Gleba Palhano(ConGP), em conjunto com a empresa A-SEG, promoveu durante o mês de abril um curso de aperfeiçoamento na atividade de portaria e controle de acesso operacional. 
Durante o curso, que teve duração de 20 horas, divididas em dias da semana, os profissionais aprenderam técnicas de segurança em condomínio, proatividade operacional, cenários e análises de riscos e gestão de crises.  
Sidnei  Amaro, gerente administrativo do ConGP, explicou que o objetivo dessa iniciativa é aumentar a sensação de segurança nas portarias da Gleba Palhano.  “Esse curso e outros, promovidos pelo ConGP, são inteiramente gratuitos para síndicos e funcionários dos edifícios associados. E essa é apenas umas das vantagens que o ConGP oferece aos condomínios do bairro”, finaliza. 

Segurança pública em discussão
Uma das principais lutas do ConGP, desde sua criação, é a melhora da segurança pública na Gleba Palhano. Nesse aspecto, a atual presidência do conselho vem estreitando laços com os principais órgãos de segurança da cidade e lideranças políticas de Londrina e região. 
No último dia 19 de abril, no Edifício Arquiteto Vilanova Artigas, representantes do ConGP, síndicos e moradores puderam conversar diretamente com representantes do comando da Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal e representantes do legislativo municipal e estadual. 
Durante a reunião, Marcus Ginez, presidente do ConGP, solicitou às autoridades presentes o estudo de viabilidade de construção de uma base da PM na região da Gleba Palhano.  Foi, então, solicitado ao ConGP que formalizasse um pedido nesse sentido. A partir dessa iniciativa, serão feitos estudos técnicos, avaliando os impactos e a viabilidade inerentesao projeto, levando em consideração a estrutura operacional da corporação ea análise de custos com a realocação de pessoal, manutenção e segurança do prédio. Com base nessas informações, as tratativas serão encaminhadas para a Secretaria de Segurança Pública do Estado do Paraná. O assunto voltará à pauta nas próximas reuniões do ConGP. 
Se você é morador da Gleba Palhano e deseja contribuir com esse e outros temas participe das próximas reuniões do ConGP. 
Para saber os locais e os horários de nossas reuniões, entre em contato conosco pelo e-mail: [email protected] 

Busca