Notícias

13/03/2018
Já ouviu falar dos benefícios da limpeza de fígado e vesícula?
Com duração de sete dias, procedimento promete melhora significativa na saúde e coopera para o emagrecimento

VIVA.T.ORIANI.jpg

A limpeza do fígado e da vesícula biliar, que é um processo antigo, um verdadeiro ancestral das medicinas tradicionais, é divulgada há muitos anos por diferentes médicos naturalistas. Contudo, foi por meio da publicação do livro do alemão Andreas Moritz, autoridade reconhecida internacionalmente no campo da medicina integrativa, que a prática se disseminou no Ocidente. É dele o livro “Limpeza do fígado e da vesícula”, com mais de um milhão de cópias vendidas, que traz ensinamentos e esclarecimentos sobre os procedimentos da limpeza hepática.
A terapeuta ortomolecular Emanuelly Prates atua em uma clínica médica em que o protocolo seguido é justamente o de referência do escritor citado. De acordo com a terapeuta, com o estilo de vida corrido da atualidade, nossa alimentação tornou-se cheia de aditivos químicos e pobre em nutrientes valiosos. “Grande parte da população alimenta-se de forma inadequada, com consumo frequente de refrigerantes, bebidas alcoólicas, remédios. Além disso, muitas vezes, esse tipo de alimentação ainda está associado a hábitos sedentários. Isso contribui para que o fígado e a vesícula fiquem sobrecarregados. O resultado é a formação de cálculos, que ficam depositados nesses órgãos, dificultando seu funcionamento e, consequentemente, prejudicando a saúde e favorecendo o desenvolvimento de diversas doenças”, conta.
De acordo com a internacionalista Raissa Hercoli, que realizou o protocolo recentemente, com o objetivo principal de obter um emagrecimento saudável, o processo de limpeza não foi difícil de ser seguido e mostrou-se muito eficaz em apenas sete dias. “Foi a primeira vez que fiz o detox do fígado. A princípio, parecia ser difícil realizar o protocolo, mas depois percebi que era muito prático. Antes, fui ao mercado comprar as frutas, verduras e legumes, para deixar tudo organizado. Além disso, excluí da minha casa guloseimas como doces, refrigerantes, etc. Isso foi primordial para que eu conseguisse seguir o protocolo e tivesse um bom resultado”, comenta.
São muitos os benefícios relatados pelas pessoas que realizam a limpeza, como aumento da energia e da disposição para o dia a dia, emagrecimento, melhora do sono e da digestão, clareza mental, desaparecimento de alergias, dores nos ombros, articulações e uma melhora da saúde como um todo.
Como conta Raíssa, além do emagrecimento (foram mais de 6 kg eliminados durante o procedimento), ela percebeu uma mudança imensa na disposição e no organismo como um todo. “Acordava melhor, dormia melhor, tinha mais disposição para fazer tudo. Em nenhum momento senti dores ou fraqueza. Também consegui perceber que tipo de comida me faz bem ou não. Foi incrível como meu corpo melhorou 100% em apenas uma semana”, ressalta.
“O protocolo não é difícil de ser seguido; é necessário, no entanto, que o paciente mantenha a disciplina e a dedicação nesses sete dias. A base da limpeza é uma alimentação sem ingestão de gorduras, repleta de frutas, verduras e legumes, preferencialmente in natura, além do consumo diário de suco de maçã, alguns compostos, e da realização de determinados procedimentos que auxiliam na eliminação de cálculos e toxinas do organismo”, revela Prates.
A limpeza geralmente é recomendada para adultos que não estejam gravemente enfermos. Mas, de qualquer forma, é importante passar por uma orientação médica antes de iniciar o processo.

Talita Oriani

Busca