Notícias

11/08/2015
Como valorizar seu próprio passe
asdaaddas.jpeg

- Sou formado em Administração há um ano - disse-me o jovem que eu não conhecia, na sala de espera da empresa.
- Ah, sim? Sei que "é" um administrador - eu disse - mas você "está" administrador?
- Como assim? - ele perguntou.
E eu expliquei:
-  Após ter-se graduado e talvez já conseguido o seu emprego, o que tem feito para prosseguir adquirindo conhecimento nas áreas da sua qualificação?
Ele ficou me olhando, indeciso, como talvez fizesse a grande maioria dos formados.
 Autodesenvolvimento é sinônimo de "investir em si próprio a fim de melhorar mais e mais". Você se formou? Ótimo, continue estudando e aprendendo. Insista nisso. Não me refiro a matricular-se em cursos apenas, mas a ler livros, revistas e outras fontes.
O diploma não é um fim, mas o início de uma jornada profissional que exigirá mais esforço e disciplina do que a graduação. Existe um oceano de novidades a ser explorado depois da formatura.
Um curso bem estruturado pode ajudar, sim. Há cursos bem programados. Só não se inscreva sem antes ter referência de todos os professores. E que tenham trabalhado na área em que ministram aulas. Nada de professores que só aprenderam com livros.
No entanto, mesmo um bom curso é diferente de autodesenvolver-se como iniciativa de fazer algo concreto por si para aumentar o seu valor pessoal.
Providencie um lugar em casa para começar o seu programa. Marque data e hora para a leitura. Registre as ideias úteis e as inspirações. Faça disso uma rotina saudável.
Carreira profissional é um combate, uma luta, cuja vitória pertencerá exclusivamente a quem atuar com rigor para melhorar sempre.
Se você não fizer isso por si, quem fará?

Abraham Shapiro

Busca